Busca:
Notícias Notícias:
Publicada em 31/07/2019 às 16:09
Buracos e água na pista: motoristas evitam passar por mergulhões da Barra
Buracos e água na pista: motoristas evitam passar por mergulhões da Barra
Mergulhão da Avenida Armando Lombardi tem vazamento de água na parede, o que tem danificado o asfalto das pistas Foto: Bruno Kaiuca / Agência O Glo
  • Buracos e água na pista: motoristas evitam passar por mergulhões da Barra
  • Buracos e água na pista: motoristas evitam passar por mergulhões da Barra
  • Buracos e água na pista: motoristas evitam passar por mergulhões da Barra

Criados para ajudar a desafogar o trânsito da Barra , o Mergulhão Billy Blanco , próximo à Cidade das Artes , e o Mergulhinho, na Avenida Armando Lombardi , na altura do Barra Point, têm acumulado problemas desde o início do ano. Paredes denunciam infiltrações constantes e, em alguns trechos, há falhas nas placas de coberturas. A falta de conservação tem feito com que motoristas evitem trafegar pelas duas passagens em dias de chuva, por medo de se envolverem em acidentes.

O mergulhão do Jardim Oceânico foi cenário de uma das imagens mais marcantes dos efeitos do temporal de abril, quando um bombeiro usou um snorkel para procurar possíveis vítimas num carro submerso. Moradores do entorno, que frequentemente passam pelo Mergulhinho, relatam acompanhar a degradação desde fevereiro, como os desníveis no asfalto e o vazamento constante de água nas pistas.

O empresário e morador do Jardim Oceânico Marcus Balestieri conta já ter visto acidentes no local e é um dos que muitas vezes preferem tomar caminhos mais longos, para evitá-lo. A falta de manutenção vem de longa data.

Bueiros sem tampas na pista do Mergulhão Billy Blanco é só um dos problemas encontrados Foto: Bruno Kaiuca / Agência O Globo

— Levamos o caso à Secretaria de Conservação avisando que havia água caindo na pista. Vi um acidente em que um motociclista caiu e, por sorte, não se feriu. Os problemas surgiram com a primeira chuva forte deste ano, em fevereiro. Ali não tem manutenção. Eu opto por fazer o retorno (no sentido Zona Sul) próximo ao shopping Downtown e conheço moradores do Itanhangá que fazem a mesma coisa — afirma.

Em dias chuvosos, segundo relatos, há formação de bolsões d’água que chegam a impedir o tráfego no Mergulhinho.

No Mergulhão Billy Blanco, a má conservação também é motivo de preocupação. A advogada Juliana Achê, moradora do Jardim Oceânico, passa pelo local diariamente para buscar os filhos na escola e diz que não vê indícios de trabalho de manutenção.

— Quem passa diariamente por ele nunca viu o mergulhão fechado ou parcialmente liberado por causa de uma manutenção, nem durante o dia, nem à noite. Não é só tapar buraco e sim ter um trabalho de manutenção. Fazem a obra e largam — diz.

Mergulhão da Avenida Armando Lombardi tem água na pista devido a vazamentos na parede, o que tem degradado o asfalto Foto: Bruno Kaiuca / Agência O Globo

A Secretaria municipal de Infraestrutura e Habitação informou que realizará uma vistoria ainda esta semana para avaliar as intervenções necessárias no que cabe à pasta. Também procurada pelo GLOBO-Barra, a Secretaria municipal de Conservação enviou técnicos aos mergulhões, junto com representantes da Cedae, para identificar vazamentos e programar obras para corrigir as infiltrações no pavimento. A pasta afirmou atuar de forma rotineira nas duas passagens subterrâneas.

« leia mais notícias

fonte: https://oglobo.globo.com/rio/bairros/buracos-agua-na-pista-motoristas-evitam-passar-por-mergulhoes-da-barra-23843623

Cadastre-se para receber a nossa newsletter: