Busca:
Notícias Notícias:
Publicada em 13/04/2018 às 21:21
Herdeiro do Bar do Oswaldo, Rommel Cardozo relembra juventude na Barra
Herdeiro do Bar do Oswaldo, Rommel Cardozo relembra juventude na Barra
Herdeiro do Bar do Oswaldo morou a vida toda na Barra e hoje toca o negócio - Fábio Rossi /1-4-2016 / Fabio Rossi
  • Herdeiro do Bar do Oswaldo, Rommel Cardozo relembra juventude na Barra
  • Herdeiro do Bar do Oswaldo, Rommel Cardozo relembra juventude na Barra

Da época de garoto, Cardozo guarda lembranças marcantes, compartilhadas com amigos que, assim como ele, viveram momentos inesquecíveis no bairro.

— Por volta de 1975, eu brincava entre os escombros do antigo Barra da Tijuca Futebol Club, no campo da Lagoa (onde hoje está o Rio Beach Club) e no campo do Cruzeiro (quase ao pé da Pedra da Gávea). Um pouco mais crescido, foi a vez de explorar a Joatinga e as trilhas da Pedra da Gávea. A minha vida nessa época era explorar o que existia no bairro. Mal havia sinais de trânsito nas ruas, que inclusive eram de terra batida. Nós nem sabíamos como elas se chamavam. Dizíamos “rua da delegacia”, “rua da padaria”, “rua do Bar do Oswaldo”, “rua do armarinho” — relembra.

Só durante a adolescência, conta, é que ele começou a sair do bairro de vez em quando, para conhecer as discotecas de outros pontos da cidade:

— Sentia que havia uma certa discriminação com quem era da Barra em outras áreas da cidade; ficávamos meio separados do restante do Rio. O que nos ligava aos outros jovens cariocas era o surfe, e, depois, o jiu-jítsu.

Aos 15 anos, Rommel começou a trabalhar com o pai: cortava limão para as famosas batidas do bar da família.

— Às vezes, quando meus amigos iam brincar, eu tinha que ir para o bar. Mas não reclamo, não. Aprendi muita coisa nessa época. Graças a isso, as batidas hoje em dia são feitas da mesma maneira que na época do meu pai. Foi ele mesmo quem me ensinou a prepará-las.

Como o pai, Rommel costuma estar nas páginas do GLOBO-Barra. Até porque o Bar do Oswaldo é um dos maiores vencedores do Prêmio Água na Boca.

O dono do bar mais famoso da região foi perfilado na primeira edição do GLOBO-Barra - O Globo / Reprodução

« leia mais notícias

fonte: https://oglobo.globo.com/rio/bairros/herdeiro-do-bar-do-oswaldo-rommel-cardozo-relembra-juventude-na-barra-21644218

Cadastre-se para receber a nossa newsletter: